Notícias

Desinteresse de alunos e ensino fraco criam candidatos despreparados

on .

JORNAL NACIONAL

Jornal Nacional,
José Roberto Burnier, São Paulo

Essa semana, o Jornal Nacional, mostra reportagens especiais sobre as causas e consequências da falta de mão de obra qualificada no Brasil. Confira aqui, a reportagem completa transmitida ontem, com entrevista de Eliane Figueiredo, diretora-presidente da Projeto RH, falando sobre o nível de conhecimento dos candidatos a emprego, que saem das universidades.

Clique e acompanhe a reportagem completa:

http://g1.globo.com/jornal-nacional/videos/t/edicoes/v/desinteresse-de-alunos-e-ensino-fraco-criam-candidatos-despreparados/2089683/

Endocrinologista é o especialista responsável por verificar as condições do sistema hormonal

on .

RADIO JOVEM PAN

Acompanhe na Rádio Jovem Pan, todas as terças e quintas-feiras, dicas e comentários sobre carreiras, de Eliane Figueiredo, diretora-presidente da Projeto RH.

http://jovempan.uol.com.br/opiniaojovempan/consultores/2012/08/endocrinologista-e-o-especialista-responsavel-por-verificar-as-condicoes-do-sistema-hormonal.html

O Ministério da Saúde prevê que em 2022 a taxa de sobrepeso e obesidade será igual a dos Estados Unidos, onde o problema é encarado como um risco à saúde pública.

Continuando a falar sobre os profissionais com papéis importantes no combate à obesidade, vamos comentar sobre a carreira de endocrinologista. É o especialista responsável por verificar as condições do sistema hormonal do paciente e orientar  tratamentos, caso necessário. 

O endocrinologista pode prescrever medicações como reguladores de apetite, mas não sugere dietas. Como qualquer integrante da área médica, precisa de atualização constante sobre novos estudos sobre medicamentos e disfunções, a fim de avaliar e propor o melhor tratamento para cada paciente.

Cabe a este médico analisar o histórico de saúde e a herança genética do paciente, para identificar possíveis problemas e suas consequências. O perfil deste especialista inclui flexibilidade, capacidade para lidar com pessoas, habilidade de observação, raciocínio rápido, além de competência técnica. 

Esta especialidade  existe desde a década de 50 no Brasil. Este médico atua em diversos setores, como hospitais, clínicas, laboratórios, spas e centros de estética ou em universidades, como professor. 

A crescente preocupação da população com saúde é um aspecto que tem favorecido a atuação do endocrinologista. Portanto, se é esta é a área de seu interesse, invista: este é um mercado bastante promissor.

Nutricionista deve orientar os hábitos alimentares de acordo com perfil de cada um

on .

RADIO JOVEM PAN

Acompanhe na Rádio Jovem Pan, todas as terças e quintas-feiras, dicas e comentários sobre carreiras, de Eliane Figueiredo, diretora-presidente da Projeto RH.

http://jovempan.uol.com.br/opiniaojovempan/consultores/2012/08/nutricionista-deve-orientar-os-habitos-alimentares-de-acordo-com-perfil-de-cada-um.html

A quantidade de pessoas obesas e com excesso de peso no Brasil tem crescido muito nos últimos anos. De acordo com dados do IBGE, 50% dos homens e 48% das mulheres têm sobrepeso, enquanto 12% dos homens e quase 17% delas estão obesos.

Os números trazem uma realidade alarmante e um desafio para profissionais que atuam na área de saúde. Nos próximos boletins, vamos falar um pouco sobre as profissões relacionadas à prevenção da obesidade, começando pelo nutricionista.

A má alimentação é um dos fatores que levam à obesidade. Por isso, cabe ao nutricionista orientar quanto aos hábitos alimentares de acordo com perfil de cada pessoa.

Um aspecto importante é que este especialista precisa, de fato, viver o que prega. Não basta sugerir uma dieta específica ou recomendar hábitos alimentares mais saudáveis. Ele precisa aplicar seus conhecimentos em sua própria rotina e na de sua família. Afinal, qual a credibilidade que transmite o nutricionista que está fora do peso?

O campo de trabalho é amplo, entretanto os salários não são muito atrativos, atualmente. Estes profissionais podem atuar com alimentação escolar, em empresas, companhias especializadas em refeição ou que oferecem cestas básicas, hospitais, academias e hotéis, entre outros.

Seja qual for o segmento de atuação escolhido, não se esqueça: os bons profissionais são os que têm melhor qualificação e paixão pela carreira.

Fique atento! Erros de digitação são fatais no currículo

on .

RADIO JOVEM PAN

Acompanhe na Rádio Jovem Pan, todas as terças e quintas-feiras, dicas e comentários sobre carreiras, de Eliane Figueiredo, diretora-presidente da Projeto RH.

http://jovempan.uol.com.br/opiniaojovempan/consultores/2012/08/fique-atento-erros-de-digitacao-sao-fatais-no-curriculo.html

Recentemente, recebi um currículo em que, em apenas duas páginas, havia três erros de ortografia de graves: espontâneo, com “X”, hidroelétrica sem H, e pretensão com “ç”.

O currículo é a primeira forma de apresentação de um candidato a uma vaga de emprego. Embora pareça óbvio, muitos profissionais ainda não têm em mente a real importância deste documento e cometem erros levianos, que podem desclassificá-los de processos seletivos.

Um bom exemplo são os erros de digitação e ortografia, que acontecem quando a pessoa não sabe escrever determinada palavra ou não revisa o texto. De acordo com pesquisa realizada recentemente nos EUA, com mais de 2000 pessoas, estes erros são fatais para 60% dos recrutadores e já eliminam o profissional do processo seletivo.

Outro erro comum é  a cópia de vários pré-requisitos da vaga para o próprio currículo.

Arquivos com várias páginas também são citados por recrutadores e podem faze-los desistir de terminar a leitura, principalmente se os requisitos da vaga forem simples. Endereços de e-mail muito diferentes, como por exemplo franco-atirador@, perdidonavida@ também são vistos com ressalvas.

Segundo o estudo, o tempo em que um recrutador avalia um currículo dificilmente ultrapassa um minuto. Aliás, há quem gaste apenas 30 segundos nessa análise.

Se você está em busca de uma colocação, a dica é simples, mas preciosa: certifique-se de que as informações em seu currículo são verdadeiras e estão redigidas corretamente. Afinal, o seu currículo é o primeiro produto analisado pela empresa, é o seu cartão de visitas. Você contrataria alguém que já falha na primeira entrega ou na primeira apresentação? A maioria das empresas não!

Flexibilidade de horário é o sonho de muitos profissionais

on .

RADIO JOVEM PAN

Acompanhe na Rádio Jovem Pan, todas as terças e quintas-feiras, dicas e comentários sobre carreiras, de Eliane Figueiredo, diretora-presidente da Projeto RH.

http://jovempan.uol.com.br/opiniaojovempan/consultores/2012/08/flexibilidade-de-horario-e-o-sonho-de-muitos-profissionais.html

Atendemos recentemente um. profissional que nos procurou em busca de um outro emprego, pois no atual não conseguia ter tempo para a família, viajava excessivamente e nunca podia se ausentar do trabalho, a não ser que por motivos muito sérios. Aliás, hoje em dia, essa é uma queixa de várias pessoas.

Ter horários de trabalho flexíveis é o sonho de muitos profissionais. Mas quem pensa que esta oportunidade é atraente apenas para os funcionários de uma empresa, se engana.

Muitas companhias brasileiras já estabelecem flexibilidade de horários em sua política, de olho nos resultados da iniciativa.

Para o colaborador, os benefícios são imediatos. Além de poder trabalhar em casa, algumas horas ou dias da semana, também é possível trabalhar maior número de horas em um determinado dia, para sair mais cedo outro dia e cuidar de um compromisso pessoal.

As empresas que têm  adotado a política de horários flexíveis têm relatado que os trabalhadores se tornam mais dedicados e engajados com a organização, mais satisfeitos e menos estressados. O resultado, consequentemente, é o aumento da produtividade.

Porém, vale lembrar que existem  algumas desvantagens nesta iniciativa, como: necessidade de reorganização de algumas políticas da empresa, eventual adiamento de algumas atividades a serem realizadas em um determinado dia ou de uma reunião urgente, pois o funcionário não se encontra no local, além de questões trabalhistas (tanto do lado do funcionário quanto do empregador). 

De qualquer modo, comparando prós e contras o que temos visto, é que com certeza vale a pena adotar essa política. A satisfação do profissional é decisiva para que ele permaneça na empresa.

Quem Somos

Somos uma sociedade de profissionais, inscrita no Conselho Regional de Psicologia - CRP sob o nº 1063/J, fundada em 1993, constituída exclusivamente por Psicólogos. Nossa missão é conduzir processos e apoiar decisões da área de Recursos Humanos das empresas relativas às atividades de recrutamento e seleção, ações de desenvolvimento e coaching.

Leia mais...

Logo Psicologia Projeto RH

Encontre-nos no Facebook Projeto RH
Siga o Twitter Projeto RH
LinkedIn Projeto RH